Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Revista online com textos da PC Terapias escrito pelo Psicoterapeuta e Alquimista do Bem Estar: Paulo César

Clique na revista e Boa Leitura!

Coletânea Textos da PC Terapias

 


NOSSA LOJA VIRTUAL

Clique na imagem e faça uma visita. 


Seu acesso pelos caminhos das possibilidades

 

Se o Mundo Meditasse!

Há uma frase de Albert Einstein que poucos conhecem que diz assim: “O mundo não será destruído por aqueles que fazem mal, mas por aqueles que os olham e não fazem nada. ”

 

Fazer nada!?

 

Achamos que fazemos tanto e não fazemos nada. Não agimos o suficiente pra mudar a rota das coisas em seu curso contrário ao que queremos. A zona de conforto a que nos submetemos é uma força potente em que nos permite por muitas vezes “querermos” ser impotentes.

 

A onipotência do Criador gera conforto por vezes em nossos corações, quando assim sintonizados, mas nossa potência se faz tão reprimida diante dos fatos, que não progredimos em velocidade por estarmos atados a medos, frustrações e outras situações que aprisionam o desejo de liberdade pela condição de um mundo melhor pra todos, onde o todos em vibração positiva contribuiriam com a onipotência do Criador em favorecer- nos pela justificativa de que o Bem Maior é a saúde, a paz, a justiça e o Bem Estar de um todo.

 

O inesquecível amor, a qual todos desejamos e por vezes não temos, está justamente no desperdício de que em vida não o damos. Amor é consistência de responsabilidade pra tudo e pra todos, seja na formação da família, seja na formação do mundo. Mundo esse em constituição de harmonia pela pluralidade das existências em seus desejos de sentir-se “envolvido” pelo Amor Maior, onde tudo transcorre pela vontade de um mundo justo pela igualdade em seu todo.

 

Parafraseando Fernando Pessoa: “Tudo vale a pena quando a alma não é pequena”, teríamos mais sucesso na melhoria dos acontecimentos, se abríssemos a mente e quiséssemos “enxergar” que se a situação não nos agrada, precisamos fazer alguma coisa e não somente tolerar, pois a tolerância nos reporta a conivência com os acontecimentos. Somos responsáveis por resultados e sendo assim, cobramos ou não nos satisfazemos com o que temos, com o que vemos e assim segue a vida pela insatisfação pela “onda” vibratória do negativo em que por momentos atinge alguns, mas no final pode atingir a todos. E assim

 

expande-se a “cadeia” degenerativa da satisfação impulsionando tristezas e com isso doenças.

 

Ninguém quer doença, mas também não faz nada pra não ter. A prática pra se ingerir resultados paliativos via remédios, já não está mais surtindo efeito, visto a consciência em sua resiliência trazendo um pensar necessário pra uma nova vivencia. Você é o que quer ser. Se não é como deseja, é porque não se enxerga no Ser. Não há meio termo na vida, ou você faz ou não faz, ou você é ou não é. E você faz ou é pelo que quer. Isso é fato.

 

E falando em fato, o fato é que precisamos compensar os “desvios” egoístas em que achamos que não seremos “atingidos” pelo que vemos e achamos que não nos atinge. A partir do momento que temos noção, passamos a “interagir” direta ou indiretamente com os fatos. Fazemos parte de um todo e os acontecimentos em seu todo giram em resultados por atos ou mesmo omissões.

 

Ninguém precisa ser super-herói pra “mudar” o mundo. Precisamos mudar a forma de pensar, de agir e desejar pelo princípio do ensino do Mestre Maior: “Amai o teu próximo como eu vos amei”, alguém acreditou em nós e “vibra” por nossa melhoria que há mais de dois mil anos ainda temos dificuldade de pensar no libertar para o “céu” Salvador, visto que a todo ano, ainda “crucificamos” aquele que vive ainda por nós pela plenitude do vibrar diferente pra se alcançar o “céu” libertador. Ainda não conscientizamos que a verdadeira satisfação está na meditação contemplativa em seu todo, favorecendo o interno com o externo ajustando os dois reinos transcendendo as barreiras físicas e espirituais que ainda não se somam.

 

Falar em meditação transcendental pode parecer ficção, mas é atual e necessária pelo que queremos e pelo que está por vir, pois só vemos tempos negativos pelas ações, quando por intenção, todo passar de ano “pedimos” tempos melhores. Seria nossa falta de fé em nós mesmos? Ou pedimos o que não costumamos acreditar?

 

Por isso tudo é que precisamos melhorar nossas vibrações, e não em particular e sim pelo conjunto, pois todos respiramos o mesmo ar que vivenciamos. Melhorar nosso padrão vibratório por meditação, é simples e fácil. E nem tem custo. Não se perde nada, nem o tempo, pois quem

 

medita ganha em tempo por aproveitá-lo melhor em seu todo buscando o equilíbrio tão necessário à nossa existência planetária.

 

Somos o que fazemos. Nunca é tarde pra se buscar a verdade, mesmo que a verdade não seja absoluta, mas o fato é que ela pode trazer o conhecer de um princípio em que podemos “ver” o quanto somos responsáveis pelos resultados. Agindo ou interagindo.

 

Um exemplo do quanto pode se “esperar” pelo poder da vibração, é o que hoje convivemos sem ter total noção, mas desenvolvemos e aceitamos sem criar “fantasias”. A afeição que criamos com os nossos “bichos” de estimação. Eles nos entendem mais até que o próprio Ser humano e sabe porquê?

 

Telepatia. Muita gente não sabe, mas desenvolvemos um campo de entendimento por padrão vibracional com os nossos amiguinhos e conseguimos entende-los, assim como eles nos entendem. Isso é vibração positiva. Querer é poder. Se queremos um mundo com condições melhores onde o Bem prevaleça em todos os sentidos, só basta abrirmos a mente pela consciência do reino que desejamos, começa primeiro pela meditação, onde poderemos “visualizar” pela transcendência o que queremos ver e viver.

 

Se praticarmos a meditação transcendental distribuindo amor mesmo que por vibração, o “seu” mundo favorecerá o mundo de todos. Pense nisso!

 

Novos tempos, novas ações. Tudo por um mundo que merece suas melhores intenções. E a terapia holística vem a favorecer pelo um todo, o que fará bem sem nenhum incômodo.

    

Namastê!

 

O Alquimista do Bem-Estar.

 

 

Tecnologia UniversoNet.